• Pequenices

[Você sabia?] O Rei do Baião

Em dezembro de 1912, em Exu, noroeste de Pernambuco, nasceu um rei, o Rei do Baião. Seu nome era Luiz Gonzaga do Nascimento e desde cedo teve contato com a sanfona: ajudava seu pai em reparos e afinações. Porém, antes de se dedicar à música, entrou para o exército com menos de 18 anos e de forma voluntária. Isso, por causa de um desentendimento que teve com a família de sua amada.


Sua marca registrada é a indumentária típica dos vaqueiros nordestinos, que no início não era bem aceita por lembrar as roupas dos cangaceiros. Ele gravou 53 músicas de sua autoria, 243 de sua autoria com parceiros e 331 de outros compositores. Ficou conhecido como Rei do Baião, pois popularizou o ritmo e a dança, idealizando a formação do trio: sanfona, triângulo e zabumba.


Em 2012 sua vida e obra foram tema do carnaval da Unidos da Tijuca, no Rio de Janeiro. No mesmo ano, foi  lançado o filme  “Gonzaga - De Pai pra Filho”, narrando a relação conturbada com o filho Gonzaguinha.