• Pequenices

Brincadeiras para a família

Dedicamos esse post para sugestão de 3 brincadeiras com o objetivo de juntar a família, mexer o corpo e ativar a criatividade em casa!!


PULAR ELÁSTICO

Para brincar será necessário um elástico de 2m de comprimento com um nó ou costura unindo as pontas. A brincadeira envolve três participantes, mas dá pra improvisar com cadeiras. Como se brinca?


1. Distantes cerca de um 1,5m, dois participantes encaixam o elástico na altura dos tornozelos e abrem as pernas de maneira que se forme um retângulo paralelo ao chão. Se utilizar cadeiras, deixe o encosto para o lado de fora do retângulo para equilibrar o peso.


2. A pessoa que pulará o elástico faz a seguinte sequência: pulo para o lado de dentro do retângulo, pulo para o lado de fora e pulo sobre o elástico. Caso acerte, deve-se aumentar a altura do elástico. Caso erre, passa a vez para a próxima pessoa.


3. Quando já estiverem craques nessa sequência e nas diferentes alturas. Invente suas próprias sequências cruzando elástico, alternando pernas e até utilizando braços.


EQUILIBRISTA

Antes de iniciar a brincadeira separem de 3 a 5 objetos aí da sua casa que não tenham risco de quebrar ou de machucar. De preferência, pegue aqueles mais leves e não tão grandes. Como se brinca?


1. Escolha UM objeto e UMA parte do corpo, para tentar equilibrá-lo. Troque a parte do corpo e o objeto diversas vezes e tente explorar ao máximo as possibilidades de equilíbrio. Importante: no equilíbrio não se pode prender ou segurar o objeto, ele deve permanecer em contato com apenas uma superfície do corpo por pelo menos 3 segundos.


2. Tendo sucesso no equilíbrio, experimente se movimentar, se abaixar e levantar ou até mesmo pular ou girar, sem deixar cair. Desafie outa pessoa a fazer o mesmo. Tente com os outros objetos que foram separados.


3. Se desafiem ainda mais! Agora é a hora de tentar mais de um equilíbrio por vez, ao mesmo tempo. Experimentem combinar vários dos objetos selecionados, em diferentes partes do corpo ou, ainda, experimente equilibrar um objeto sobre o outro.


E SE FOSSE UMA DANÇA DE...

Preparem um espaço mais livre em casa, coloquem para tocar aquela música que vocês adoram e não esqueçam de vestir uma roupa bem confortável para a movimentação. Como se brinca?


1. Alguém ficará responsável pelo "play" e "pause" da música, enquanto as outras pessoas se posicionam para começar a dança. A primeira rodada pode ser mais livre, para pegar o ritmo da música e reconhecer o tanto de espaço que tem ao redor para se mexer. PAUSE! Todo mundo para de dançar.


2. Na segunda rodada, alguém deve estabelecer o comando: "E se fosse uma dança de robôs?" PLAY! Agora todo mundo volta a se movimentar, mas, dessa vez, como se fossem robôs dançantes. PAUSE!


3. Vocês podem realizar quantas rodadas tiverem vontade e até onde a imaginação consiga levar. A cada rodada, um novo comando, estabelecido por uma nova pessoa. O responsável pelo som também pode trocar durante o andamento da brincadeira. Deixamos aqui algumas outras ideias: "E se fosse uma dança de bichos? De slimes? De molas? De bonecos de neve?"